VIVER MELHOR


PRECONCEITO?!

 PRECONCEITO?!

Uma das coisas que gosto de fazer é ver o desfile das Escolas de Samba,  um espetáculo de criatividade,  inventividade, alegria, cores, e por ser eminentemente coletivo, exige organização, coordenação, generosidade, solidariedade, muito jogo de cintura. Um desfile é a culminância de meses de trabalho, de equipes em  concentrada atividade, de velhos a crianças, sem distinção.

Uma Comissão de Frente da Portela, da Mangueira, da Imperatriz, Salgueiro,  Viradouro, Vila Isabel, Unidos, Beija-Flor, Caprichosos, Vai-Vai, Rosas de Ouro... e de todas as escolas, sem distinção, é de tão alto simbolismo, que talvez a gente nem consiga aquilatar o significado essencial daquelas presenças - velhos fundadores e históricos continuadores da agremiação, desfilando juntos, independente de suas histórias particulares.... Ali, o que interessa é a vitória do coletivo, a identificação cultural, fazer e mostrar a cultura própria deles, a face do samba no carnaval da avenida, a expressão máxima de uma coletividade por tantos desprezada.

Também no Senado, Câmaras, Executivos, Judiciários, deveria importar o bem da nação, não o bem individual. Deveria importar o bem estar das crianças, velhos, jovens, de todos. E como os podres poderes dão o mau exemplo,a Mangueira se achou no direito de copiar o que tem de pior naqueles espaços políticos.

Deveriam ser respeitados os ícones da cultura, da educação, da medicina, da pesquisa, das comunidades, sejam homens ou mulheres, sem contar a  idade, cor,  procedência ou curvas do corpo. .

Quem nesse país não conhece Beth Carvalho? Todos viram a cara dela, machucada pelo desrespeito. Um senhor qualquer, (não importa se era o presidente da Mangueira, ou o Carnavalesco ou um trabalhador anônimo) A Mangueira está manchada pelo preconceito e desrespeito.

Precisava respeitar a mulher Beth Carvalho. Precisava respeitar uma quase anciã, em estado precário de saúde, que tem sua vida ligada à Mangueira, historicamente, à cultura nacional.

Impedida de subir no carro, grande m.... , um carro e um carnavalesco, diante da grandiosidade de sua música, de sua dedicação, de sua história. Desculpem, mas é o que penso! Um carro é um carro, uma mulher é uma Mulher. Se fosse alguém com as curvas à amostra,  o camarada que a impediu certamente diria sim.

Imagino como amanheceu o coração da Comissão de Frente, das mulheres e homens sexagenários da querida Mangueira, a dor que se instalou no coração das pessoas que dão a vida por sua comunidade, por sua Escola, ao vê-la manchada no Carnaval 2007!

Que Mangueira é esta? Exige-se a retratação pública, a correção do mal, pelo bem das crianças da Mangueira, por todos os fâs  e amigos, o respeito deve ser restaurado!

                

Pegue essa faixa no blog de Dácio           Chega Mais.  http://gk.jaegger.uol.com.br  E coloque no seu blog ! Vamos alertar sempre!



Escrito por Ceci às 11:49
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ ver mensagens anteriores ]
 
Meu perfil





BRASIL, Nordeste, JOAO PESSOA, Mulher, Portuguese, French, Arte e cultura, Viagens



Histórico


Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Adelaide
 Alex
 Blogue da Magui
 crystal
 Dácio Jaegger
 Dora
 Hanna Gantous
 Jeanete Ruaro
 JFS
 LOBA
 Márcia (clarinha)
 Oceanos e Desertos
 Rubo Jünger Medina
 Transmimentos de Pensações
 Um_Barco
 Vidas Marcadas
 Zeca
 Cássio Amaral
 BAGATELAS
 Míriam Monteiro
 ConchitaMC
 Indira
 Francisco Dantas
 Francisco Sobreira
 Lúcia
 Bené Chaves
 DULCINEIA
 Blog do Wali
 MIOLO DE POTE
 Drika
 LAURA
 PALIMPNOIA
 Elis
 A Rosa do Deserto
 PROSA & VERSO
 Lino Rezende
 Minina
 BETH, MULHER QUE NÃO DESISTE
 Lívia
 Adônis Belo
 Clarice
 Kaline Alves
 Taís Morais
 MASCARADOS DA LOBA
 Ernâni Motta